Vivian destaca prioridade à manutenção das alíquotas do ICMS

Para futuro secretário da Casa Civil, alíquotas atuais viabilizam governabilidade

Otomar Vivian articula com deputados a manutenção das alíquotas do ICMS | Foto: Samuel Maciel / CP Memória

Otomar Vivian articula com deputados a manutenção das alíquotas do ICMS | Foto: Samuel Maciel / CP Memória

Antes mesmo de assumir o Palácio Piratini, o governador eleito Eduardo Leite (PSDB) já trabalha fortemente nos bastidores para que a Assembleia Legislativa aprove a manutenção das atuais alíquotas de ICMS. Para o futuro secretário da Casa Civil, Otomar Vivian, esta será uma medida para “viabilizar a governabilidade” a partir de janeiro.

A articulação vem antes mesmo de qualquer outro projeto, de acordo com ele, que concedeu entrevista à Rádio Guaíba. “É fundamental a manutenção dessas alíquotas e desta receita para que se possa então pensar o futuro do governo”, afirmou. “Qualquer ação ou iniciativa vai passar pela decisão da Assembleia Legislativa a respeito deste projeto.” A negociação com os deputados, que teve início logo após seu anúncio, no fim da manhã, segue nesta quinta-feira.

“O que o governador está propondo é um período que seria uma passagem, de transição para ter o tempo necessário para implementar ações como governo no sentido da busca da retomada de uma condição de equilíbrio”, justificou ele, que disse acreditar que o Brasil entrará em um processo de crescimento, que deverá refletir na situação econômica dos estados.

Vivian é ex-presidente do Instituto de Previdência do Estado (IPE) e ex-prefeito de Caçapava do Sul.

Fonte/Reprodução: CorreioDoPovo

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.