Grêmio volta com mais do mesmo, e Renato ouve vaias por insistência com André

Time mantém padrão, com qualidades e defeitos, em empate com Bahia e tem centroavante como pivô de reclamações

Por Eduardo Moura — Porto Alegre

Melhores momentos: Grêmio 1 x 1 Bahia pela Copa do BrasilMelhores momentos: Grêmio 1 x 1 Bahia pela Copa do Brasil

O toque de bola estava lá, com toda sua qualidade. Mas também deu a impressão que seria necessário uma noite inteira para os jogadores chutarem a gol. Estava a estrela de Everton, mas também vaias para o técnico Renato Gaúcho por uma substituição. O Grêmio empatou em 1 a 1 com o Bahia, pelas quartas de final da Copa do Brasil, e mostrou nada diferente ao que foi apresentado até agora em 2019.

Isso não é necessariamente algo ruim. Mas quer dizer que qualidades e defeitos do primeiro semestre apareceram na quarta-feira, na Arena. A inoperância ofensiva volta a preocupar, com exceção a Everton. O time ficou com a bola, circulou e fez um bom final de primeiro tempo, especialmente.

– O primeiro tempo foi muito bom. O Grêmio sofre do mesmo problema, que é botar a bola para dentro. Está faltando a bola entrar. Se entrasse mais, nos permitiria cometer alguns equívocos – analisou o diretor de futebol Alberto Guerra.

Renato gostou da atuação contra o Bahia — Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA
Renato gostou da atuação contra o Bahia — Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Nos momentos finais da etapa inicial, o Tricolor levou perigo em chute na trave de Jean Pyerre e em cabeçada de André. Mas não foram jogadas trabalhadas pelo setor ofensivo gremista, muito dependente do Cebolinha. Com a confiança alta, Everton vai para cima, tenta a jogada individual e é quem cria qualquer coisa fora do comum para o time.

O rendimento, no geral, agradou ao técnico Renato Gaúcho. Faltou a mesma agressividade cobrada em outros momentos. O próprio técnico reconheceu que o teste feito durante a parada para a Copa América, com Luan e Diego Tardelli juntos, não deu certo. Portanto, a tentativa de criar algo novo não deu resultado e foi abortada. Fica o centroavante. Fica André.

– Testei o Tardelli por dentro, mas não me agradou. Nem ele nem o Luan. Por isso voltei com o André. O André fazia uma boa partida, mas quando toma um gol, a torcida acha um ou outro para ser o culpado. Todos ganham e todos perdem – destacou o treinador.

André deixa empate com o Bahia após vaias — Foto: Eduardo Moura
André deixa empate com o Bahia após vaias — Foto: Eduardo Moura

Substituição e vaia

André, aliás, se tornou o pivô da discórdia da torcida gremista. A ponto do técnico Renato Gaúcho, maior ídolo da história do clube, imortalizado como estátua, ser vaiado por uma substituição. Aos 20 minutos do segundo tempo, o comandante tirou Jean Pyerre para colocar Luan. Os fãs queriam a saída do centroavante.

– O André estava muito bem, inclusive aplaudido. Mas tomamos o gol e acham que está tudo errado. Quantas chances dei ao Vizeu? Agora dou ao André. Quem se escala é o jogador. Eles precisam me dar resposta. Oportunidades estão aí. Tirei o André, coloquei o Vizeu e seguimos com o mesmo problema dos gols. O que vocês querem que eu faça? – questionou Renato.

André teve uma chance clara defendida por Douglas, roubou pelo menos duas bolas no campo defensivo e ajudou com movimentação. Ele havia perdido a titularidade para Felipe Vizeu nos jogos anteriores à pausa no calendário. E deve seguir na equipe, ainda mais pela lesão sofrida pelo concorrente, que ficou só seis minutos em campo.

Douglas Friedrich salva após cabeçada de André para baixo aos 37 do 1º tempo
Douglas Friedrich salva após cabeçada de André para baixo aos 37 do 1º tempo

Resta agora ver qual escalação o treinador poderá utilizar no reinício do Brasileirão. É possível que alguns jogadores sejam preservados, entre eles Everton, pela sequência de jogos com a seleção brasileira. Uma boa oportunidade de medir o tamanho da dependência do Cebolinha.

No jogo de volta contra o Bahia, será necessária uma vitória simples para avançar à semifinal da Copa do Brasil. A partida ocorre na próxima quarta, às 19h15, na Fonte Nova. Antes disso, no sábado, às 17h, o Tricolor recebe o Vasco, novamente na Arena, pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Link da notícia: https://globoesporte.globo.com/rs/futebol/times/gremio/noticia/gremio-volta-com-mais-do-mesmo-e-renato-ouve-vaias-por-insistencia-com-andre.ghtml

Fonte/Reprodução: GloboEsporte.Com

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.