Geromel e Kannemann colocam invencibilidade à prova em Gre-Nal que decide Gauchão

Zagueiros são fiéis da balança em estilo gremista e podem ser decisivos para mais um título gaúcho, nesta quarta, na Arena

Por Eduardo Moura — Porto Alegre

 dsl-4784
Foto: Wesley Santos/PressDigital
 

Depois do 0 a 0 no primeiro Gre-Nal da final do Gauchão, uma vitória simples na noite desta quarta-feira, na Arena, dá o título ao Grêmio. Para isso, a defesa é peça-chave. Neste contexto, Geromel e Kannemanntêm mais que a própria qualidade como trunfo. Nunca perderam para o Inter jogando juntos e sustentam uma maneira específica da equipe atuar, exposta eventualmente a contra-ataques.

Os zagueiros formam dupla desde 2016 e eternizaram-se com os títulos da Copa do Brasil, da Libertadores e da Recopa em sequência. Quando os dois estiveram em campo contra o maior rival, o Grêmio não perdeu: são duas vitórias e quatro empates.

Geromel e Kannemann em Gre-Nais

  • 14/04/2019 – Inter 0 x 0 Grêmio – Beira-Rio – Gauchão
  • 12/05/2018 – Grêmio 0 x 0 Inter – Arena – Brasileirão
  • 18/03/2018 – Grêmio 3 x 0 Inter – Arena – Gauchão
  • 11/03/2018 – Inter 1 x 2 Grêmio – Beira-Rio – Gauchão
  • 04/03/2017 – Grêmio 2 x 2 Inter – Arena – Gauchão
  • 23/10/2016 – Grêmio 0 x 0 Inter – Arena – Brasileirão

As duas derrotas recentes para o Inter – 1 a 0 no Brasileirão e 2 a 0 no Gauchão, ambas em 2018 – ocorreram com apenas um deles no time.No Gre-Nal do último domingo, o duelo foi o primeiro contra Paolo Guerrero, com novo capítulo nesta quarta-feira, a partir das 21h30.

– Na minha opinião, temos a melhor zaga da América do Sul. Tomamos um gol (no Gauchão), de falta, e poucos na Libertadores. Dois grandes jogadores contra um grande atacante. Não pode se descuidar. Quem jogar, vai encontrar essa dupla pela frente – comentou Renato depois do Gre-Nal.

Dupla de zaga Kannemann e Geromel nunca perdeu Gre-Nal — Foto: Lucas Uebel / Grêmio, DVGDupla de zaga Kannemann e Geromel nunca perdeu Gre-Nal — Foto: Lucas Uebel / Grêmio, DVG

21 horas sem sofrer gol

As estatísticas são um alento para os tricolores dentro da Arena. Se não sofrer gol, o Grêmio, no mínimo, vai para a disputa de pênaltis. No Gauchão, o Grêmio só sofreu um gol, na segunda rodada. Desde então, são 21 horas jogadas – claro que os jogadores foram muito modificados durante a campanha. A última vez que o Tricolor foi campeão invictoocorreu em 1965.

Em 2019, Kannemann e Geromel atuaram juntos em sete partidas(duas derrotas, dois empates e três vitórias), com quatro gols sofridos, todos na Libertadores. A confiança na dupla de zaga é plena, mesmo que as atuações não tenham atingido níveis de outros momentos. A ponto de deixá-los no mano a mano contra atacantes rivais sem pudor.

– Título é sempre muito importante, é o reconhecimento do atleta. As marcas são boas, mas o objetivo maior é ser campeão. Consequentemente, que a gente possa bater as marcas, é importante para ir cravando cada vez mais na história – comentou o goleiro Paulo Victor, fiel escudeiro dos zagueiros no Gre-Nal.

Geromel e Kannemann terão a tarefa de parar Guerrero outra vez — Foto: Wesley Santos/PressDigitalGeromel e Kannemann terão a tarefa de parar Guerrero outra vez — Foto: Wesley Santos/PressDigital

Com ambos em campo, os laterais se soltam e não se furtam de deixar os zagueiros sem possibilidade de cobertura. Leonardo tem mais problemas para recompor pelo lado direito em comparação com Cortez. E os volantes Maicon e Matheus Henrique não carregam como característica principal a marcação.

Portanto, é comum ver Kannemann e Geromel à sua própria sorte,especialmente neste ano, com o time mais propenso ao ataque. Ainda assim, ambos saem das situações de risco sem maiores problemas na maioria das oportunidades – embora vazem eventualmente, é bem verdade.

Qualquer empate às 21h30 desta quarta, na Arena, leva a decisão para os pênaltis. O Tricolor busca o 38º título estadual. Luan é a principal dúvida, já que está relacionado e pode aparecer no banco após 10 dias afastado das partidas.

GRÊMIO X INTER – GAUCHÃO – FINAL (VOLTA)

  • Local: Arena do Grêmio.
  • Data e horário: quarta-feira (17), às 21h30 de Brasília.
  • Provável Grêmio: Paulo Victor; Leonardo, Pedro Geromel, Kannemann e Bruno Cortez; Maicon, Matheus Henrique, Alisson (Diego Tardelli), Jean Pyerre e Everton; André.
  • Provável Inter: Marcelo Lomba; Zeca, Rodrigo Moledo, Víctor Cuesta e Iago; Rodrigo Lindoso (Rodrigo Dourado), Edenílson, Patrick, William Pottker (D’Alessandro) e Nico López; Paolo Guerrero.
  • Desfalques do Grêmio: Paulo Miranda e Marcelo Oliveira.
  • Desfalques do Inter: Rithely.
  • Transmissão: RBS TV para todo o Rio Grande do Sul e Premiere; o GloboEsporte.com acompanha todos os lances em Tempo Real.
  • Trio de arbitragem: Jean Pierre Gonçalves Lima, auxiliado por Rafael da Silva Alves e Lúcio Beiersdorf Flor.

Fonte/Reprodução: GloboEsporte.Com

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.