Dois homens são presos por vender carne imprópria para consumo em Uruguaiana

Dupla deve ser indiciada por crime contra a relação de consumo

Fred Marcovici
Polícia Civil comandou ação
Polícia Civil comandou ação 

A Polícia Civil de Uruguaiana prendeu, nesta quinta-feira, dois homens por crimes contra a relação de consumo. Eles estavam armazenando e vendendo carnes em condições impróprias.

A Operação Merino foi deflagrada após oito meses de investigação. Conforme apurado, os indivíduos abatiam ovinos de forma ilegal, sem observâncias das normas sanitárias e, posteriormente, revendiam, inclusive anunciando o produto em redes sociais.

Na operação, os agentes verificaram a exposição de quatro peças inteiras de ovinos, com outras duas peças inteiras em um freezer e diversas partes fracionadas em dois outros refrigeradores, totalizando ao menos 300kg de carne imprópria ao consumo.

No local, ainda havia – balança digital, seladora a vácuo e embalagens, máquinas para corte e apetrechos para abate. Além disso, foram localizadas cinco armas de fogo e diversas munições de variados calibres. Dada voz de prisão em flagrante delito, os homens foram conduzidos à DPPA – Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento para que fosse lavrado o flagrante.

Link da Notícia: https://www.correiodopovo.com.br/not%C3%ADcias/cidades/dois-homens-s%C3%A3o-presos-por-vender-carne-impr%C3%B3pria-para-consumo-em-uruguaiana-1.523773

Fonte/Reprodução: CorreioDoPovo

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.